Página Inicial

 

Galeria de fotos
Galeria de fotos
Cenas da vida do autor
como encontros com
outros autores

 

 

 

Livros publicados
Livros publicados
Confira aqui
todos títulos
do autor

Prêmios
Prêmios
Confira os prêmios
recebidos pelo autor
em sua carreira

Crítica
Crítica
Leia críticas
sobre Alcides Buss

Crítica
Contatos
Fale com Alcides Buss

Transcriações
Transcriações
Obras baseadas em poemas
de Alcides Buss

Poema da semanaGaleria de fotos

UM DIÁLOGO

Entre o mar e onde estou
uma palmeira me olha
quase sorrindo.

De suas folhas pendentes,
com centenas de folíolos
igualmente pendentes,
sai um rio de memórias
deixando-se ir no ar ameno do dia.

Arrisco-me a ter com ela
um diálogo.

És mais linda que a sereia dos livros.

Me diz: você até se parece comigo.

Em teu verde descubro
o que fui antes de tudo.

Me diz: escuto você nas ondas do olvido.

Te escuto também. Tua voz
tem luz de veludo.

Me diz: ali, à tua frente,
o mar é tudo que tenho.

Nem preciso dizer
que levei comigo a palmeira,
escondida em seu próprio sentido.

Alcides Buss

EquipeDigital.com